sexta-feira, março 16, 2007

Claudia Raia e Denise Fraga com medo do gongo

A pedido do grupo de teatro Os Satyros escrevi minha primeira peça infantil, O Dia das Crianças. O título, que a princípio pode sugerir uma certa obviedade, tem lá sua explicação. Vamos à história: O Dia das Crianças fala de um reino que atravessou uma época tão difícil, marcada por guerras, conflitos sociais, falta de segurança e medo, que as crianças pararam de nascer. Era tão difícil sobreviver naqueles tempos cruéis (ou seriam os nossos tempos?), que todos já nasciam adultos e a infância chegou ao fim. Ao perceber o que estava ocorrendo em seus domínios, o rei, desesperado, procurou o soberano de um país distante e pediu para que ele, em algum momento do futuro, quando um determinado cometa cruzasse o céu, enviasse suas crianças para passar um dia naquele reino onde elas já não existiam mais. Ou seja, o dia das crianças. E é neste momento que a peça começa: um envelope falante chega ao reino dos adultos com a notícia de que o cometa irá aparecer em três dias - e junto com ele chegarão as crianças.

A notícia deixa o reino desconcertado. Afinal, o que são crianças, com o que elas se parecem, do que elas gostam, o que fazer para agradá-las? Todos os conceitos sobre a infância se perderam naquele reino, pois há séculos ninguém vê mais uma criança. O rei, em companhia de sua aloprada rainha, decide então fazer um concurso de talentos entre os moradores de seu reino. Os melhores cantores, dançarinos, atores, mágicos e malabaristas serão selecionados para entreter a criançada no dia em que elas chegarem. Ivam Cabral, o diretor do espetáculo, teve uma idéia genial, uma entre tantas que parecem brotar diariamente em sua cabeça: convidou gente famosa para os testes. E os famosos toparam!!! Denise Fraga, Claudia Raia, Adriane Galisteu, Renato Borghi, Paulo Autran, Marcelo Médici, os Parlapatões e Cássio Scapin, em um gesto de simpatia absoluta e de um incontrolável amor pelo teatro, gravaram hilariantes participações em vídeo, como se fossem anônimos em busca de uma chance no show biz. Eu assisti hoje à parte das gravações e elas estão irresistíveis. Embora eu esteja doente de vontade de contar o que os famosos fazem nos testes, vou ficar quieto. Não posso estragar a surpresa de ninguém. O Dia das Crianças vai ser apresentado em todas as unidades dos CEUs da prefeitura. Já foram agendadas 64 apresentações - o que deve representar um público de aproximadamente 50 mil crianças só no primeiro semestre. O espetáculo, embora eu seja suspeitíssimo para falar, está maravilhoso. Anotem: é uma das peças infantis mais originais que já se viu por aqui. Queria aqui, em público, agradecer a estes artistas bacanérrimos e solidários que abriram um tempo em suas agendas concorridíssimas para ajudar o Satyros a levar diversão de primeira para toda a criançada da periferia. A peça estréia no dia 28, no CEU Campo Limpo. Ivam Cabral promete colocar o espetáculo em cartaz nos Satyros, ali na Praça Roosevelt, assim que a excursão pelos CÉUs terminar. É esperar para ver. Garanto que vocês vão adorar aquele reino muito louco que um dia virou de ponta cabeça para alegrar a garota.

Um comentário:

Maria Clara disse...

quero muito sentir tudo isso... só este post já me emocionou. beijo!