sexta-feira, outubro 19, 2007

Dez coisas que poderiam ser proibidas

1. Os ingressos de cinema acabarem bem na nossa vez de comprar

2. Dar mais do que duas voltas num quarteirão para encontrar uma vaga de estacionamento

3. Peças de teatro que terminam com ária de ópera - só para avisar o público que aquilo realmente é o fim

4. A obrigação de aplaudir de pé todo e qualquer espetáculo que a gente veja - mesmo que seja ruim de doer

5. Acabar a bateria do celular no meio da tarde quando a gente só vai voltar pra casa à noite

6. Chuva na manhã de segunda-feira

7. Usar a camiseta da mostra de cinema com a cara do Hector Babenco estampada no peito

8. Não lembrar quem é aquela pessoa que nos chama pelo nome e sobrenome numa festa

9. A tia que a gente não vê há um tempão dizer que a gente engordou, mas que continua bonitinho

10. O cabelo crescer mais nos lados do que no alto da cabeça

5 comentários:

Isabella disse...

Já sabia de seu grande talento, mas adorei ler suas idéias.
Te conheço de vista e muito te admiro pela verdade que senti nas poucas palavras que, pessoalmente, te vi pronunciar.
Parabéns pelo talento nas artes e obrigada por dividir um pouco das suas idéias aqui...
Um beijo,
Isabella

.lucas guedes disse...

hehe... hector babenco de homem-placa é a pior... abraço.

Blog do Massa disse...

Isabella e Lucas, meus queridos. Muito obrigado pela visita ao blog. É sempre um prazer poder compartilhar este joguinho aqui com vocês. Beijo grande.

Patty Diphusa disse...

Adorei suas observações. Só não concordo com chuva na manhã de segunda, eu me lixo para a segunda. Eu não gosto mesmo é de chuva na tarde de sexta-feira. Adoro seu blog, passo de vez em quando por aqui. E até indiquei no meu blog. Bjs

Leca Perrechil disse...

É, quando estou na primeira fileira de uma peça, me sinto intimidada quando não aplaudo de pé. Uma vez, os atores ficaram me olhando feio.

Em outro momento, confesso, não aguentei a pressão e levantei. Fazer o quê?

E além da camiseta da mostra, tem aquela bolsa horrível prateada com o rosto dele... rs.

Bjos.