quinta-feira, julho 09, 2009

Trechos

Duas visões do amor para se pensar no fim de semana. Nenhuma foi escrita por mim, mas copiei direitinho. Espero que gostem.


"Sua incorrigível tendência ao exagero se refletia também na questão do amor, pois o que é amar com uma estranha profundidade, silenciosamente, sem ser correspondido, senão amar exageradamente? Exagerava em tudo. E enquanto eu me dizia tudo isso, me perguntei se os que amam dessa forma não são os que pensam que o amor é o essencial e veem no sexo apenas um acidente. Para mim, Fernando estava apaixonado pela ideia do amor e conhecia, portanto, a única fórmula para que ele durasse toda uma vida"

(Do conto Os Amores Que Duram Por Toda Uma Vida, presente no livro Suicídios Exemplares, do escritor espanhol Enrique Vila-Matas)


"Você tem que ser maior que os seus sentimentos. Não sou eu que exijo isso de você, é a vida que exige. Se não, você vai ser levado de roldão pelos seus sentimentos. Eles te levarão até o mar e você não será mais visto. Os sentimentos podem ser o maior problema da vida. Os sentimentos podem nos pregar peças terríveis. Eles me pregaram uma peça (...) agora já lidei com estes sentimentos. Me promete que você vai lidar com os seus"

(Do romance Indignação, de Philip Roth, com certeza um dos melhores livros do ano)

5 comentários:

IsaBella MenSant! disse...

Adoreii o blog, principalmente este post. Trechos lindOos vou até procurar os livros pra ler.

Parabens!!!
XerOo

Só no blog disse...

Oi, Isabella, pode ler os livros na boa. Eles são ótimos. Valeu pela visita. abração, sérgio

roberto tavares disse...

ninguém escreve, autor ou não autor da coisa escrita, se não sente aquilo...

Só no blog disse...

Oi, Roberto, brigadão pela visita. Custou, mas você conseguiu postar o comentário. Brigadão. Sérgio

tete bezerra disse...

ÓTIMAS CITAÇÕES.VALEU TAMBÉM COMO DICAS DE LIVROS.ABRAÇOS...